Você está aqui
Página Inicial > Blocos de Rua > Filha de Paulinho da Viola será musa do Timoneiros

Filha de Paulinho da Viola será musa do Timoneiros

Compartilhe:

Inspirado e criado ano passado para homenagear Paulinho da Viola, o bloco Timoneiros da Viola elegeu sua musa para o Carnaval 2013: Cecília Rabello, filha do autor de “Foi um rio que passou minha vida”. Formada em Letras, a bela, de 33 anos, foi apresentada neste sábado, 19 de janeiro, durante feijoada que celebrou o primeiro ano de fundação da agremiação, realizada na Arena Carioca Fernando Torres, no Parque Madureira.

– A Cecília não foi convidada para ser musa somente por sua beleza singular. Além de ser uma das fundadoras do bloco comigo e o Paulinho, ela é uma pesquisadora da música brasileira, sobretudo do samba, e tem a consciência da importância da preservação histórico-cultural dos ícones do gênero. É uma mulher linda e inteligente, absolutamente integrada às manifestações da nossa festa maior, que é o Carnaval. O Timoneiros é um bloco para cantar samba, resgatar e apresentar os ícones do gênero às novas gerações. Nós não vamos abrir mão disso – comenta Vagner Fernandes, presidente do Timoneiros.

A festa em Madureira foi regada a cerveja gelada, feijoada de primeira preparada por Tia Surica, pastora da Velha Guarda da Portela, e muito samba. A Arena Fernando Torres ficou lotada e a festa pegou fogo quando Rhychas, intérprete oficial do Timoneiros da Viola, acompanhado pelo tradicional Grupo Exporta Samba, atacou com clássicos de Paulinho da Viola, Noel Rosa, Synval, Ismael Silva, Pixinguinha, Geraldo Pereira, Cartola e Nelson Cavaquinho, entre outros. O ponto alto do encontro ficou por conta da canja de Seu Waldir 59, ícone portelense que marcou presença, e é autor de uma infinidade obras, como o clássico “Riquezas do nosso Brasil”, parceria com o saudoso Candeia.

– Diante deste cenário, eu não poderia estar de outra forma que não absolutamente feliz. O Timoneiros chegou para marcar a história do Carnaval de rua do Rio de Janeiro. Não foi à toa que ganhamos o prêmio de Melhor Bloco do Ano em 2012, logo em nossa estreia. Parafraseando meu pai ‘Cantamos samba porque só assim nos sentimos contentes'” – disse Cecília.

O Timoneiros da Viola sairá dia 3 de fevereiro da Praça Paulo da Portela, em Oswaldo Cruz. A concentração está marcada para às 12h, como início marcado para 13h.

 

 

 

Compartilhe:

Comente este notícia

Deixe uma resposta

Top