Você está aqui
Página Inicial > Carnaval 2013 > Ilha fez bom desfile na homenagem a Vinicius de Moraes

Ilha fez bom desfile na homenagem a Vinicius de Moraes

Compartilhe:

A União da Ilha do Governador, que homenageou o poeta Vinicius de Moraes no ano do centenário de nascimento de um dos autores de “Garota de Ipanema”, foi a quarta escola a se apresentar no espetáculo de Domingo de Carnaval. Entre os destaques do desfile,  estão as fantasias e as alegorias criadas pelo carnavalesco Alex de Souza para representar os múltiplos talentos do Poetinha. A narrativa do enredo também incluiu a infância de Vinícius, que costumava passar férias na Ilha do Governador.

A comissão de frente de Sergio Lobato foi aplaudida por quem lotava a arquibancada do Setor 1. O grupo fez referência à pluralidade da obra de Vinicius, no universo carioca e no baiano, por onde o artista também deixou sua marca, assim como na literatura, no teatro e no cinema.

O abre-alas, que representava a Barca da Cantareira causou muito boa impressão pela grandiosidade e teve 180 “passageiros”.

A enredo foi compreendido com facilidade pela clareza com que foi abordado pelo carnavalesco, mas, ainda assim, a apresentação da escola não contagiou o público, que não acompanhou o samba muito bem defendido por Ito Melodia.

Uma das surpresas da noite foi a bateria, essa sim, contagiante. Mestre Riquinho este ano teve ao lado dele o experiente Odilon, cria da escola insulana, mas que se projetou na Grande Rio, onde deu expediente por muitos anos, colecionando notas máximas. O desempenho dos ritmistas, que fizeram paradinhas, deve se refletir em boas pontuações na Quarta-Feira de Cinzas, quando serão reveladas as notas dos julgadores.

Fotos: Riotur

[nggallery id=153]

Compartilhe:

Comente este notícia

Deixe uma resposta

Top