in , , , ,

Imperatriz: além de intérprete, escola também está sem diretor de harmonia

Quinta colocada no último Carnaval, a Imperatriz Leopoldinense vai reformular parte de seu quadro para 2015. Depois de ter dispensado o intérprete Wander Pires, a escola também dispensou Guilherme Nóbrega, que deu expediente nos últimos quatro desfiles como diretor de harmonia. Segundo Wagner Araújo (foto), diretor de carnaval, ainda não há nomes definidos para ocupar as vagas deixadas pelos dois.

– Por enquanto, estamos priorizando o fechamento da prestação de contas do desfile deste ano. Até agora, renovamos com o Cahê (Rodrigues, carnavalesco), e com o casal de mestre-sala e porta-bandeira (Phelipe Lemos e Rafaela Theodoro). Mas a Imperatriz é uma escola que prefere esperar a poeira baixar, aguardar as justificativas dos jurados, para fazer as avaliações necessárias, e só então começar a pensar em nomes – afirma Araújo.

Wander Pires foi dispensado porque estava rouco no desfile e, além disso,  discutiu com o cantor Elymar Santos, um dos autores do samba, no momento do esquenta. As imagens da discussão foram exibidas ao vivo, mas sem áudio, nos telões da Sapucaí. As notas mais baixas que a escola levou dos jurados foram em harmonia (um 9,6 e três 9,8) e evolução (9,6, 9,9 e dois 9,8), quesitos de responsabilidade direta da direção de harmonia.

What do you think?

0 points
Upvote Downvote

Written by Redação TDS

Quadra da Portela vai sediar maior triagem de tratamento dentário gratuito do mundo

Mangueira confirma saída de Rosa Magalhães