Você está aqui
Página Inicial > Carnaval 2015 > Lá vem a Ilha toda prosa e com selfies na Avenida

Lá vem a Ilha toda prosa e com selfies na Avenida

Compartilhe:

Por Diego Barreto

A cena é corriqueira nos últimos tempos: a pessoa faz pose e empunha o celular para fazer um clique, seja com o braço esticado ou com o mais cobiçado acessório da estação, o ‘pau de selfie’. Pois nem a Sapucaí vai escapar da mania que caiu no gosto popular através das redes sociais. Com o enredo “Beleza Pura?”, a União da Ilha promete retratar, com muita irreverência, esse e outros hábitos de quem está sempre buscando o ‘seu melhor ângulo’.

O carnavalesco Alex de Souza conta que a ideia do enredo veio depois do Carnaval passado. Ele pensava em possibilidades de enredo que pudesse ter um desenvolvimento na mesma linha do desfile de 2014. Após o desfile arrebatador que levou a escola a quarta colocação, o artista queria novamente encantar o Sambódromo.

– Inicialmente, havia a possibilidade de falarmos dos 450 anos da cidade, o que acabou não acontecendo. Então comecei a pensar num tema que permitisse algo na linha de 2014. Então me veio à mente um enredo que eu tinha feito, no Acesso, para a Leão de Nova Iguaçu, sobre a beleza, e decidi que poderia revisitar o tema – conta Alex, explicando que, assim como o desfile sobre brinquedos, o enredo desse ano permite que ele trabalhe características que sempre marcaram a Ilha.

– A União da Ilha sempre marcou por fazer desfiles com temas que têm foco no cotidiano. Desfila sempre com leveza. Costumo dizer que a criança do desfile dos brinquedos cresceu e agora vive num mundo onde aparentar é mais importante até do que ser. A Ilha é o hoje, o atual.

O carnavalesco, que assina seu quinto carnaval na tricolor insulana, conta que a escola retratará o belo sem esquecer do outro lado, o feio. Tudo recheado com o bom humor característico da agremiação e o requinte e acabamento cuidadoso dos trabalhos de Alex de Souza.

– Falamos da beleza e da feiura, do que é atraente e do que causa preconceito. Teremos o lindo, mas também os transtornos de imagem.

Desfile vai da natureza às passarelas de moda

E para mostrar que não de é de hoje que o ser humano busca o belo, Alex de Souza promete uma viagem que começa com a beleza presente na natureza. A graciosidade da fauna e da flora estará representada. O processo de metamorfose, que transforma repulsivas lagartas em lindas borboletas, será mostrado logo no início do desfile. Depois, o enredo mostra como o belo e o feio foram retratados ao longo da história nas artes plásticas e na literatura. O mito de Narciso e clássicos infantis como “O Patinho Feio” e “A Bela e a Fera” estarão na Avenida.

O desfile, então, chega aos dias atuais em setores que mostram o culto ao corpo e a busca pela fama. Alex de Souza revela que esses setores estarão repletos de ironias, que devem arrancar boas risadas do público.

– Vamos mostrar o culto ao corpo com uma academia cheia de anabolizados… Vamos ter até uns potes com “cretina” (risos) – diz o carnavalesco, fazendo referência ao suplemento alimentar creatina, utilizados por atletas.

– No setor da moda, vamos ter várias grifes, mas todas serão “Made in China” – risos.

Alex, que em 2015 completa uma década assinando desfiles no Grupo Especial, fechará o Carnaval da Ilha com uma reflexão, o que já se tornou uma marca nos seus desfiles.

– Eu sempre curto uma coisa meio “papo cabeça”. Nesse enredo a questão que eu lanço é: o que é a beleza, afinal? Mostramos que a beleza é efêmera, e que a busca incessante para alcançá-la pode deixar a pessoa num grande vazio – conclui.

Alex prepara desfile irreverente para manter a escola no grupo das campeãs de 2015
Alex prepara desfile irreverente para manter a escola no grupo das campeãs de 2015
Compartilhe:

Comente este notícia

Top