Você está aqui
Página Inicial > Carnaval 2019 > Mocidade, Império e Barroca são os destaques da quarta semana de ensaios técnicos

Mocidade, Império e Barroca são os destaques da quarta semana de ensaios técnicos

Compartilhe:
Foto: Marcelo Messina / LIGASP

A quarta semana de ensaios técnicos no Anhembi ficou recheada de grandes e emocionantes treinos, que brindou ao bom público que foi a Avenida. A sexta (01), ficou reservado para a Elite do carnaval, com Colorado do Brás, a Multicampeã, Mocidade Alegre e X9 Paulistana. Já no sábado (02), pisaram na Passarela do Samba a, Águia de Ouro, Unidos de Vila Maria, Tom Maior, Império de Casa Verde, todas do Grupo Especial, e fechando a noite a Barroca Zona Sul, agremiação do Grupo de Acesso 1. O ultimo dia de treinos ficou reservada para quatro escolas, duas do Grupo de Acesso. Mocidade Unida da Mooca  e Leandro de Itaquera e por fim a Dragões da Real e Acadêmicos do Tucuruvi, do Grupo Especial.

A primeira a realizar o seu ensaio técnico na sexta (01) foi a Morada do Samba, Mocidade Alegre, que realizou um treino perfeito. O destaque foi o canto da comunidade, harmonia e evolução da escola, onde apresentaram uma excelência nestes quesitos. A escola realizou o treino com muita garra e vibrante com todas as alas cantando a plenos pulmões o samba. Outro ponto positivo foi a junção entre o carro de som, comandado por Igor Sorriso, e a bateria Ritmo Puro, regida por mestre Sombra, que para este treino apresentou uma andamento mais para atrás, sem acelerar o ritmo do samba. Já Igor esbanjou alegria e com muita sintonia para com os seus cantores de apoio. O último ensaio será no dia 16 de Fevereiro. A Morada do Samba levará para a Avenida o enredo “Ayakamaé – As águas sagradas do sol e da lua”.

A segunda escola a realizar o seu ensaio foi a Colorado do Brás que realizou um bom treino. O destaque ficou por canta do carro de som, comandado por Chitão Martins, que vem evoluindo em sua afinação ano após ano, e pela bateria de Mestre Alan,que realizou um segundo ensaio bem mais satisfatório com uso de bossas durante todo os 500 metros do Anhembi. O outro ponto positivo do ensaio mesmo com o aumente de contingente foi o canto da escola que cresceu bastante do último ensaio. O último ensaio será no dia 16 de Fevereiro. A Colorado levará para a Passarela o enredo “Hakuna Matata – Isso é viver”.

A última agremiação a realizar o seu ensaio na sexta (01) foi a X9 Paulistana, que fez grande treino e muito emocionante. O destaque ficou por conta do carro de som, capitaneado por Darlan Alves, que proclama o samba em homenagem ao sambista Arlindo Cruz com muita emoção e exatidão. Uma aula de afinação e química para com a comunidade. Outro destaque ficou por conta da emoção que a filha de Arlindo Cruz, Flora Cruz, realizou uma chamada de vídeo na concentração da agremiação que levou todos ao redor as lagrimas.Um momento de muita emoção e carinha de todo a comunidade do Bairro da Parada Inglesa para com a família Cruz.

A primeira agremiação a realizar o seu ensaio técnico no Anhembi, no sábado (02) foi à campeã do Grupo de Acesso em 2018, Águia de Ouro, que ainda a luz do dia realizou um bom treino. O destaque da apresentação foi o bom entrosamento do carro de som, capitaneados por Douglinha e pelo recém contratado Tinga, que também é intérprete da Vila Isabel. A dupla realizou um ensaio de muita sintonia e alegre pelos mais de 500 metros da Avenida. Outro ponto a se destacar foi a bateria ‘Batucada da Pompéia’, regida por mestre Juca, que apresentou uma andamento mais cadencia que ajudou o canto da comunidade. O próximo ensaio será no dia 09 de Fevereiro.  A Águia de Ouro levará para a Passarela do Samba, o enredo “Brasil, eu quero falar de você! Que país é esse!”.

A segunda a realizar o seu treino na noite foi a Unidos e Vila Maria, que apresentou um ensaio satisfatório. O destaque da agremiação mais uma vez foi a Cadência da Vila, regida por Mestre Moleza, que com o seu jeito diferenciado, com uma levada mais cadenciada dando um destaque ainda especial ao samba, que foi cantado a plenos pulmões da comunidade. O outro ponto positivo foi o carro de som, capitaneado por Wander Pires, que animou os componentes e imprimiu um belo andamento ao samba que impulsionou a harmonia da escola que oi bastante festejada. O próximo ensaio técnico será no dia 16 de Fevereiro. A Vila Mais Famosa levará para o Anhembi o enredo “Nas asas do grande pássaro o vôo da Vila Maria ao império do sol”.

A terceira a realizar o seu ensaio foi a Tom Maior, destaque do carnaval 2018 com um belo terceiro lugar, apresentou um belo treino. O destaque da escola foi à bateria Tom 30, regida por Mestre Carlão que ajudou e muito no canto da comunidade. A bateria realizou algumas paradinha que levantaram os presentes na Avenida. O outro ponto positivo foi o carro de som, capitaneado por Bruno Ribas, que também irá cantar na São Clemente. Bruno e Mestre Carlão tiveram uma bela sintonia , sendo assim contribuíram com o canto da escola. O próximo ensaio técnico será no dia 15 de Fevereiro. A Tom Maior levará para o Anhembi o enredo “Penso… logo existo – As interrogações do nosso imaginário em busca do inimaginável“.

Foto: Marcelo Messina / LIGASP

A penúltima agremiação a realizar o seu ensaio foi o Tigre Guerreiro, a Império de Casa Verde, que apresentou uma grande treino. A escola mostrou na Avenida as credenciais que irá buscar mais um título do carnaval Paulistano. Os destaques mais uma vez com uma sintonia de cinema, com é o enredo da escola, foi à junção entre o carro de som e a Bateria. Carlão e Mestre Zoinho, foram novamente próximos à perfeição em seus respectivos segmentos. Outro ponto positivo foi à comunidade imperiana que realizou um ensaio muito bom, catando a pleno pulmões, com alas bem preenchidas e bem alegres. . O próximo ensaio técnico será no dia 15 de Fevereiro. O Império levará para a Avenida o enredo “O Império contra-ataca”.

A ultima a pisar na Passarela do Samba, foi a grande surpresa do Grupo de Acesso em 2018 com um terceiro lugar, a Barroca Zona Sul, que fez um grande ensaio e esta no páreo para a busca do acesso. O destaque do treino foi à bateria, comandada pelos mestres Acerola de Angola e Fernando Negão, que ousaram nas bossas pelo Anhembi. Outro ponto positivo foi o canto da comunidade do Jabaquara, que chegou cantando o samba a plenos pulmões pela Avenida. A agremiação não realizará mais ensaios técnicos. A Barroca Zona Sul levará para o sambódromo o enredo “Okê Arô”, e será a terceira a desfilar no domingo de carnaval, 03 de Março.

A primeira agremiação a realizar o seu ensaio técnico no Anhembi, no domingo (03) foi a recém promovida ao Grupo de Acesso 1, a MUM (Mocidade Unida da Mooca) que fez um bom ensaio técnico. O destaque da escola foram os quesitos de harmonia e Evolução, que apresentou um bom numero de componentes que em quase a sua totalidade entoou a plenos pulmões o belo samba. As alas estavam bem preenchidas e numerosas. O outro ponto positivo foi o carro de som, regido pelos cantores Clayton Reis, ex-Tucuruvi, e o jovem Gui Cruz, que apresentaram uma sintonia impar em seu primeiro ensaio. O próximo ensaio será no dia 10 de Fevereiro. A MUM levará para a Avenida o enredo “Manto sagrado, a história que o tempo bordou”.

A segunda escola a realizar o seu treino foi a Dragões da Real, que realizou um satisfatória ensaio. O destaque da escola foi o carro de som, comandado por Renê Sobral, onde ajudou o andamento do samba e com isso impulsionou o canto da comunidade. O outro ponto positivo foi a bateria Ritmo que incendeia, regida por Mestre Tornado, que apresentou uma ritmo muito constante e bem linear. O próximo ensaio será no dia 17 de Fevereiro. A Dragões levará para a Avenida o enredo “A invenção do tempo. Uma odisseia em 65 minutos”.

A penúltima a realizar o seu treino foi a Acadêmicos do Tucuruvi. que realizou um ensaio regular. O grande destaque foi à bateria do Zaca, regida por Mestre Guma Senna, que ousou nas bossas que levaram o público presente nas arquibancadas ao delírio, que impulsionou o canto da comunidade da Cantareira. O próximo ensaio será no dia 17 de Fevereiro. A Tucuruvi levará para o Anhembi o enredo “Liberdade, o canto retumbante de um povo heróico”.

Fechando a quarta semana de ensaios no sambódromo do Anhembi foi a Leandro de Itaquera que realizou um ensaio satisfatório. O  grande destaque foi o samba juntamente com o carro de som, comandado por Juninho Branco, que entoou a obra com muita desenvoltura e alegria que animou os presentes no sambódromo do Anhembi. O próximo ensaio será no dia 09 de Fevereiro. A Leandro de Itaquera levará para avenida o enredo “Ubatuba. O reconto do caboclo sob a luz do luar”.


       Foto: Marcelo Messina / LIGASP

Compartilhe:

Comente este notícia

Top