in , , , ,

Paraíso do Tuiuti abriu desfile do Grupo A

Com o enredo “Clara Nunes – a tal mineira”, do carnavalesco Jack Vasconcelos, a Paraíso do Tuiuti, campeã do Grupo B no ano passado, abriu na noite deste domingo, 18, o espetáculo das escolas de samba na Marquês de Sapucaí.

Mas, logo no início, a escola teve problemas. Houve demora para que os destaques do carro abre-alas subissem na alegoria, que só alcançou a pista de início de desfile quando o cronômetro assinalava nove minutos.

Um dos destaques da escola de São Cristóvão na passagem pela Avenida foi a bateria comandada por Mestre Celinho, o mesmo “maestro” que levou à Unidos da Tijuca a começar a figurar entre as campeões do Grupo Especial. À frente dos ritmistas da escola, a dançarina Sheila Carvalho, ex-morena do “É o tchan”, chamou a atenção do público pela beleza, simpatia e, principalmente, samba no pé.

Com fantasias criativas e pouco luxuosas, a escola entrou com diversas alas fora da ordem que constava no roteiro do desfile entregue à imprensa. Se os jurados se basearem na mesma ordem de apresentação das alas, a Tuiuti será penalizada.

A última vez que a escola esteve no Grupo Especial foi em 2001 e, em 2012, deixou a Avenida com remotíssimas possibilidades de voltar à elite do Carnaval carioca.

 

Fotos: Riotur/Divulgação

 

 

 

 

 

 

 

What do you think?

0 points
Upvote Downvote

Written by Redação TDS

Veja as fotos do desfile da Golfinhos da Guanabara

Descontração e alegria marcaram o desfile da Acadêmicos da Rocinha