in , , , , ,

“Paulo Barros fica”, garante Rogério de Andrade

Apesar do sétimo lugar e do sentimento frustrado de não voltar ao desfile das campeãs depois de 12 anos, a Mocidade não se prostrou. O patrono Rogério de Andrade, responsável pela injeção de auto-estima positiva aos torcedores, falou ao Tudo de Samba logo após a abertura dos envelopesAndrade exalta o processo de resgate do orgulho dos independentes:

“Estamos resgatando a confiança. A Mocidade voltou a ter essa conquista de agregar toda a comunidade, todos os independentes, isso foi ótimo para nós e para o Carnaval do Rio. Fiquei muito satisfeito” – asseverou

A contratação de maior impacto do Carnaval 2015 foi sem dúvida a chegada de Paulo Barros à Mocidade, como campeão na Unidos da Tijuca. Investimento que parece ter sido válido à escola, como afirma Andrade, que acredita em bom casamento entre os vanguardismos de Mocidade e de Barros. O patrono garante o carnavalesco para 2016:

“Trouxemos o Paulo Barros porque ele é um artista fora de série, com um poder de criação muito grande. E a Mocidade é isso, é inovadora, é ousadia. Confio muito nele, e ele foi o que vocês viram na avenida, um espetáculo. O Paulo Barros está garantido conosco. O coração dele agora é verde e branco.” – anunciou

Nos quesitos destinados a Paulo Barros, a Mocidade Independente de Padre Miguel passou incólume por Alegorias e Adereços Enredo, e perdeu dois décimos em Fantasias. Sem dúvida, um resultado bastante satisfatório.

Ouça Rogério de Andrade – reportagem Kaio Sagaz.

What do you think?

0 points
Upvote Downvote

Written by Redação TDS

Peruche e Perola sobem para o Grupo Especial de São Paulo; Independente é rebaixada para Grupo 1

Começa a dança das cadeiras nas escolas de samba